quinta-feira, 5 de maio de 2011

Concluindo os textos sobre estatísticas.

        Fechando a série dos textos com relação as estatísticas, vamos juntar as coisas. Falamos aqui em três pontos sobre o tema:
1- A estatística do aproveitamento nos fundamentos.
2- A estatística de direcionamento.
3- A estatística tática, aquela que faz um mapa das estratégias de levantamento e bloqueio.
        O objetivo desse trabalho no jogo é ajudar nas tomadas de decisão por parte da comissão técnica em vários pontos. Pontos que vão desde as estratégias até as substituições dos jogadores. Muitas vezes algum ponto incrível dá ao técnico uma impressão equivocada do desempenho de determinado jogador, é nesse caso que a estatística ajuda. Ela é fria, calculada. Ela coloca o jogador pro banco se os seu desempenho não estiver sendo adequado. Ela faz com que o time descubra onde realmente perdeu ou ganhou o jogo. 
        O conselho que eu dou aos técnicos é que façam o uso dessa ferramenta. Ela dá a direção do trabalho. Serve como parâmetro para o desenvolvimento do time. Monte uma planilha simples para guardar os dados que julgar importante no nível da sua equipe. O excel ajuda muito nesse caso. (abaixo um exemplo de planilha (tática) criado por mim uns anos atrás).


         A partir de amanhã vou explicar alguns relatórios sobre estatísticas. Aqueles resumos que algumas vezes vocês observam os jogadores lendo logo após o jogo. Aguardem!  

Um comentário:

  1. Adriano Oliveira8 de junho de 2011 16:01

    Boa tarde Marcel, bom você poderia explicar um pouco mais sobre esses desenhos estatisticos, você divide a quadra em 9 regiões?

    ResponderExcluir